Postado em 05 de Maio de 2016 às 17h10

CONTAGEM REGRESSIVA PARA O MAIOR EVENTO DE SETOR IMOBILIÁRIO NO OESTE

Institucional (56)Salão do Imóvel (18)Mercado Imobiliário (20)

12º Salão do Imóvel e Feirão Caixa da Casa Própria ocorrerá de 20 a 22 de maio, em Chapecó

Inicia a contagem regressiva para a 12ª edição do Salão do Imóvel e Feirão Caixa da Casa Própria, que se realizará no período de 20 a 22 deste mês de maio, das 9 às 20 horas, no Centro de Eventos Plínio Arlindo de Nes, em Chapecó. Estão confirmados 29 expositores – entre imobiliárias, construtoras e empresas de engenharia, móveis e demais entidades ligadas ao setor imobiliário – que receberão um público estimado de 5 mil visitantes-compradores.

Nesta edição, entre imóveis novos e na planta, o evento contará com cerca de 3.450 imóveis, que vão da faixa de R$ 110 mil até R$ 4 milhões. A previsão de negócios gerados é de R$ 170 milhões.

O coordenador do evento, Rogério Guerra, estima um incremento de 10% no número de imóveis vendidos e 20% no valor das transações totais. “Estamos trabalhando diretamente para ampliar o impacto do Salão no mercado de imóveis de Chapecó, não apenas com o aumento no número de negócios, mas também com ações paralelas que potencializarão os negócios e darão maior visibilidade e credibilidade do município, a exemplo da palestra, em parceria com a Unochapecó, que abordará os motivos para investir em Chapecó”, explica.

“No Salão do Imóvel e Feirão CAIXA os visitantes-compradores podem esclarecer informações sobre financiamentos, têm a possibilidade de comparação das melhores opções em casas, terrenos e apartamentos e negociação. Também é uma forma fortalecer de integrar em um mesmo local todos os agentes envolvidos no processo de compra de imóveis”, ressalta o presidente do Sindicato da Habitação do Oeste (Secovi-Oeste/SC), Ricardo Lunardi.

“Seja para a pessoa ou família que deseja adquirir seu primeiro imóvel ou para quem já tem um imóvel e pretende mudar para outro maior ou, ainda, para quem está em busca de um investimento sólido e seguro, o grande objetivo do Salão do Imóvel e Feirão Caixa da Casa Própria é oferecer, em um mesmo local, informações sobre financiamento imobiliário, e a oportunidade que para que os visitantes conheçam as melhores opções em imóveis”, assegura Guerra.

DÉFICIT HABITACIONAL

O município de Chapecó apresenta um déficit habitacional estimado em 9.000 moradias, das quais 6.000 somente na faixa de até R$ 150 mil reais. A superintendente regional da Caixa no oeste de Santa Catarina, Maria Claudia Sakai, destaca que o feirão será uma excelente oportunidade para as famílias que ainda não tem moradia própria de ver o que o mercado oferece e escolher o que melhor se enquadra na sua necessidade e na sua capacidade de pagamento. Para aquelas que já têm casa própria, o evento irá oferecer oportunidade de melhorar sua moradia, seja pela troca, ou seja, pela reforma, tudo financiado pela CAIXA.

EVENTO

A realização é do Secovi-Oeste/SC, tendo como agente financeiro a CAIXA com apoio da Prefeitura de Chapecó, Conselho Regional dos Corretores de Imóveis de Santa Catarina (Creci-SC), Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó), Sindicato da Indústria da Construção e de Artefatos de Concreto Armado do Oeste de Santa Catarina (Sinduscon/Oeste) e Federação dos Secovis (FESECOVI).

Veja também

BRASIL É CONSIDERADO O MELHOR PAÍS EM DESENVOLVIMENTO PARA SE INVESTIR EM IMÓVEIS14/05/16BRASIL É CONSIDERADO O MELHOR PAÍS EM DESENVOLVIMENTO PARA SE INVESTIR EM IMÓVEIS Pesquisa realizada pela Associação Americana de Investidores Estrangeiros em Imóveis (Afire, na sigla em inglês) aponta que 25% de seus investidores indicam o Brasil como o melhor país emergente para aportar investimentos. Entre os Brics (países emergentes), a China ficou em segundo lugar. Numa visão global, o melhor lugar para se investir é em território......

Voltar para (Notícias)

SECOVI OESTE/SC (49) 3328 3010