Postado em 29 de Maio de 2016 às 14h41

Secovi-Oeste/SC participa de futuro termo de cooperação técnica com o Ministério Público de SC

Institucional (56)Mercado Imobiliário (20)

O vice-presidente do Sindicato da Habitação do Oeste (Secovi-Oeste/SC), Ademir Roque Sander, e o diretor e ex-presidente da entidade, Paulo Jorge Lise, participaram recentemente de uma reunião com o Ministério Público de Santa Catarina. Na ocasião, foi tratado sobre um termo de cooperação técnica sobre ocupações irregulares, danos ambientais e urbanísticos, além de comercialização e publicidade de empreendimentos imobiliários implementados sem observância das normais legais.

O termo de cooperação técnica objetiva estabelecer um intercâmbio de comunicação e cooperação entre as partes envolvidas no acordo, visando a adequada comercialização e publicidade dos empreendimentos imobiliários. Desta forma, toda e qualquer atividade decorrente deste instrumento será realizada em forma de parceria, uma vez que o termo não acarretará nenhum ônus financeiro aos participantes.

Lise esclarece que a principal finalidade do termo é que, a partir dele, as entidades passem a sinalizar todo e qualquer empreendimento irregular, buscando impedir inclusive a execução sem os devidos licenciamentos. Também ressalta a preocupação no quesito de comercialização, uma vez que a prática inadequada e em inconformidade com a lei compromete a segurança e estabilidade do investimento dos próprios clientes. “Há casos em que o investidor perde noites de sono devido à desvalorização pelo tempo em que o empreendimento se manteve irregular, e outros que o empreendimento pode até ser interditado, causando a perda total do investimento”, afirma.

A assinatura do termo será celebrada entre os Secovis da região, o Conselho Regional dos Corretores de Imóveis de Santa Catarina (CRECI-SC) e o Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura, Agronomia de Santa Catarina (CREA-SC). “Com a efetivação da assinatura, as entidades do mercado imobiliário, ficarão interligadas em um único objetivo, possibilitando um fluxo de informações uniforme e constante sobre os empreendimentos imobiliário a se firmarem em nível estadual, não priorizando apenas uma cidade. Com o termo e a cooperação dos envolvidos, cumpriremos o propósito de condições mais justas e seguras de investimento” assegura Sander.

A reunião foi conduzida pela coordenadora de apoio operacional do consumidor, Greicia Malheiros da Rosa Souza, do coordenador do centro de apoio operacional do meio ambiente, Paulo Locatelli e Eduardo Paladine da 29ª Promotoria de Justiça. Além dos promotores, a reunião contou com a presença do procurador jurídico dos Secovis, Guilherme Dallacosta, do procurador jurídico do CREA-SC, Gabriel Kiba da Silva, do coordenador de fiscalização do CREA-SC, Claude Farias, do procurador jurídico da FATMA-SC, João Pimenta, do procurador jurídico Henrque Fuccio e Jaime Sotoriva.

Veja também

PÓS EM GESTÃO DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS 10/03/16 Pós graduação em gestão de negócios imobiliários Destaque-se neste mercado! ESTA ESPECIALIZAÇÃO VISA FORMAR PROFISSIONAIS COM CONHECIMENTO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS, CAPAZES DE ATUAR DE FORMA EMPREENDEDORA, EMPREGANDO OS MODELOS INOVADORES DE GESTÃO, COM BASE EM PARÂMETROS RELEVANTES PARA ATENDER AS......

Voltar para (Notícias)

SECOVI OESTE/SC (49) 3328 3010